quinta-feira, 28 de junho de 2012

Castelo de Mármore



Estou sufocada nesse castelo de mármore
As grades e essas paredes frias não me deixam respirar em paz
Eu não quero mais
Eu não te quero mais.
Cadê a chuva que há tempos não molha meu rosto...
Não destrói meu penteado
Não borra minha maquiagem
Cadê o vento que em meu colo nunca mais repousou
Meu cabelo nunca mais assanhou
E meu nariz não mais resfriou
Nem o calor de mim se aproximou
É tudo culpa desse castelo de mármore...
Que me assusta com personagens irreais
Com palavras que não acredito mais.
O chão frio e sujo que machuca meus pés
Que de tanto tempo aprisionado,
                                             [ não consegue mais dar longos passos...
Pisa com receio, pois não quer continuar ensanguentado.

Estou com sede...
Sede de correr pelos campos florais na primavera
Sede de girar na rua nos dias que chovem
Sede de sorrir...

Sede de liberdade
Sede de sentir saudade
Sede amizades
Sede de verdades

Sede de simplesmente
Viver.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por interagir no blog.
Seja sempre bem-vindo e comente o quanto quiser!

"Pra fazer poesia
tem que ter inspiração,

Se forçar...
Nunca vai ficar boa" - Vinícius de Moraes.

"Enquanto Eu tiver perguntas e não haver respostas... Continuarei a escrever"

- Clarice Lispector.

Meu mundo infinito particular:

Eu, somente eu
Escrito por mim sozinho
Ninguém mais do que eu
Minha voz, sou eu sozinho

De fato é difícil conviver assim
Com tudo aquilo que eu quero de mim
De fato é pesado ter que aceitar
Toda a realidade que sinto no ar

Por isso a poesia não me abandonou
nunca Me deixou
Por isso a poesia não me abandonou
nunca me deixou - A Poesia e Eu #Catedral.


Música e poesia, uma combinação perfeita para que eu entre nesse meu mundo particular, onde a natureza faz rimas só pra mim, e eu vivo infinitas possibilidades.

Inscreva-se

FeedBurner FeedCount

NOTA

A maioria das imagens inseridas nas postagens deste blog são retiradas da internet, sem a menor intenção de adquirir os direitos autorais destas. Assim, se alguém sentir-se prejudicado ou incomodado com o uso de sua imagem, entre em contato* e a imagem receberá os devidos créditos ou será retirada deste blog, como o possuidor dos direitos desejar.

*Ver aba de contatos.