quarta-feira, 22 de fevereiro de 2012

Aniversário

No último domingo (19), eu estava completando mais um ano de vida, não teve festa, não teve passei para comemoração e etc*... Mas no fim da noite, teve uma coisa que me surpreendeu muito e acho que foi um ótimo presente que eu poderia receber.


*mas isso não significa que não foi um dia bom.


Eu tive uma noite meio estressada, mas surpreendentemente, minha mãe, meu amor, a pessoa mais importante da minha vida (se eu pudesse daria todos os adjetivos de qualidades para ela), foi dormir, mas tinha deixado um papel rabiscado em cima da mesa de jantar.


Quando eu estava passando pelo lugar vi a folha no canto da mesa e resolvi ler o que estava escrito lá.





"Ouvia-se grandes ruídos vindos daquela direção. Pareceu-me que tudo se quebrava, eis que desperdiçava ao meio do horizonte. Pus-me a imaginar o que estava acontecendo naquele momento de tanto horror. De repente veio uma grande tempestade de areia que aproximava-se de mim e, de uma hora para outra, já estava voltando ao seu normal.


Imaginem o que aconteceu!

Certamente tive um sonho.
E tudo estava normal quando acordei"
E. F. Silva.

domingo, 12 de fevereiro de 2012

Detalhes Essenciais

Esses quadros nas paredes, essas pegadas pelo chão;
Essas cartas pela casa, esses vultos no portão.
Esse perfume pelo ar, essa lembrança no quintal;
Esses noticiário na Tv, sua foto no jornal.

Tudo tão distante, tudo tão desigual...
No relógio que você deixou na mesa da cabeceira
Eu fico tentando convencer as horas a voltarem...
Sei que é inútil esperar, mas não sei o que posso mudar...

No espelho do quarto sua imagem, na porta de casa, o seu chaveiro.
Pela manhã o cheiro do teu café, sua escova no banheiro
No meu pensamento, nossos momentos
E na minha vida sua a miragem.
Detalhes ou essenciais,
o que eu sei é que doe muito mais a ausência que você me faz.

Desculpe se fui tão covarde...
Não me torture mais, não me deixe ouvir zumbido do profundo do silêncio;
não suporto o frio dessas noites solitárias,
não posso ser vítima da escuridão.

Não me considero capaz...
Tenha certeza que a quitação dessa dívida está sendo cara
Eu lamento tanto sua ida...
Só você é a luz que ilumina esse pobre coração.




quinta-feira, 2 de fevereiro de 2012

Feliz Aniversário!

Hoje mainha tá completando ano. Eu não sei onde guarde o poema que eu estava fazendo em segredo pra ela, mas dessa vez eu não quero deixar passar em branco. Independente do poema...


Só quero deixar super claro que eu amo muito minha mãe. Agradecer a Deus por ter me dado uma mãe tão maravilhosa, cuidadosa, linda, inteligente, compreensiva, amável, paciente, responsável e carinhosa.


- Mainha, parabéns por mais um ano vivido, te desejo toda felicidade desse mundo. Te amo mais que tudo e mais que todos!


Deus te abençoe e guarde de todo mal...
Feliz aniversário, minha Flor! A Flor mais linda e perfumada do meu jardim!


"Pra fazer poesia
tem que ter inspiração,

Se forçar...
Nunca vai ficar boa" - Vinícius de Moraes.

"Enquanto Eu tiver perguntas e não haver respostas... Continuarei a escrever"

- Clarice Lispector.

Meu mundo infinito particular:

Eu, somente eu
Escrito por mim sozinho
Ninguém mais do que eu
Minha voz, sou eu sozinho

De fato é difícil conviver assim
Com tudo aquilo que eu quero de mim
De fato é pesado ter que aceitar
Toda a realidade que sinto no ar

Por isso a poesia não me abandonou
nunca Me deixou
Por isso a poesia não me abandonou
nunca me deixou - A Poesia e Eu #Catedral.


Música e poesia, uma combinação perfeita para que eu entre nesse meu mundo particular, onde a natureza faz rimas só pra mim, e eu vivo infinitas possibilidades.

Inscreva-se

FeedBurner FeedCount

NOTA

A maioria das imagens inseridas nas postagens deste blog são retiradas da internet, sem a menor intenção de adquirir os direitos autorais destas. Assim, se alguém sentir-se prejudicado ou incomodado com o uso de sua imagem, entre em contato* e a imagem receberá os devidos créditos ou será retirada deste blog, como o possuidor dos direitos desejar.

*Ver aba de contatos.